theme by FUTURASUICIDA base by PTDPC

“O amor não machuca, as pessoas é que não sabem utiliza-lo.”
~ Poeta-filosofo. 

“Só o romântico diz que não vai amar mais.”
~ Ana Jácomo.   


LOVE IN THE BUS.

Quem nunca teve aquele amor de onibus?

Para aqueles que não sabem é quando seus olhos cruzam com os olhos de uma pessoa totalmente desconhecida, e pelo poder magico das fadas você tem aquele momento love, e pensa eu casaria com ele(a), é algo muito simples que pode acabar alegrando seu dia sei lá, cada um com seu cada um, e hoje eu tive acho que o melhor momento love de onibus que ja tive etenho que compartilhar.

Estava eu no ponto de onibus ali na estação de São Cristóvão esperando qualquer onibus que viesse para o Meier, mas como é a nossa linda Cidade Maravilhosa so passava onibus lotado, passou uns 4/5 onibus e eu e mais uma galera do Pedro II decidimos nao pagar, até que veio um onibus cheiomas ainda tinha espaço entao decidi pega-lo o pessoal do Pedro II tambem, so que logo na hora deles subirem eles desistiram, foi ai que eu o vi e tivemos nosso primeiro contato visual, e de ultima hora ele decidiu entrar no onibus, ele poderia te passado da roleta, mas por algum motivo ficou ali na frente onde eu estava, eu estava quase no cobrador e ele na escada olhando para frente, do nda ele olha para tras e me olha de cima a baixo, logo pensei “humm”, e teve o nosso segundo cruzamento de olhar, mas logo depois pegou no vicio da nossa geração (o celular). A viagem se seguiu e o onibus foi enchendo e ele saiu da escada e veio para o meu lado, para vocês terem noção de como estava cheio o onibus todos os ferros de se segurar estavam ocupados, o onibus começou a encher mais e como nao tinha onde ele segurar ele colocou a mão sobre a minha e no mesmo estante ele falou “Desculpas” meio sem graça, eu como estava adorando aquilo falei” De boa”, ele meio lezado digamos assim não tirou a mochila das costas e veio um senhor gordinho que nao conseguia passar, entao como uma otima pessoa levantei a mochila dele para o senhor passar, ai ele meio sem jeito falou “Obrigado”, eu respondi com um sorrisinho bobo, e ele correspondeu o sorriso, na hora que tinha levantado a mochila havia reparado algum bolso aberto então pedi para o garoto virar e falei “Acho que esta aberto” quando ele se virou vi que era o fecho que estava ruim e o disse, ele respondeu “Já sabia, tenho que comprar uma mochila nova.”, uma senhora que estava ali em pé se meteu na conversa e falou “É so conserta, vocês jovens querem tudo novo.”, ai um olhou para outro querendo rir, ai o onibus foi esvaziando ele nao saiu ali a frente so quando a senhora entrometida passou da roleta e ele quis ir, mas logo olhou para tras, como dizendo “você não vai vim não?”, é claro que eu fui , mas esperei um pouco, ai uma garota (uó) pediu para segurar a mochila dele, ele deu é claro mas nem olhou para a garota, ele dividia seu olhar para o celular e para mim,pensando que eu nao reparava, ja no Meier, ele foi andando para o fundo do onibus e eu o segui, a senhora entrometida estava la no final e ja tinha reparado tudo, estava estampado na cara dela, chegando quase no ponto ele desceu para a escada e eu fiquei na parte para cadeira de rodas, ai ele deu aquela ultima olhada para tras como se fosse uma despedida para nossos olhos e desceu do onibus. :3

Um Simples LOVE IN THE BUS.





“Parti-me para vosso amor
Que tem tantas direções
E em nenhuma se define
Mas em todas se resume.
Saberei multiplicar-me
E em cada praia tereis
Dois, três, quatro, sete corpos…”
~

Aldalgisa Nery, a musa de varias faces.



Sentimentos…(AMOR)

Coisinha difícil de se entender né, alguns dizem que é fácil, mas é tudo mentirar ou a pessoa nunca os sentiu de verdade, pois aqueles que ja sentiram sabe que é foda, as vezes queria ser um robô, isso mesmo um ROBÔ so para não sentir essa merda, voces devem estar pensando que mal amada deve ser essa pessoa, ate que é vocês estão um pouco certos, aquele homem de lata do magico de Oz so queria um coração, mal sabia ele os problemas que vem junto com ele tadinho,  mas vamos ser realista quem nunca sofreu por amor ou ainda vai sofrer, se voce achou o amor da vida de primeira e esta com ele ate hoje Parabéns para você, quem dera todos nós termos a mesma sorte, para aqueles que ainda nao entenderam estou falando de amor e nao de gostar, porque gostar é aquela coisa momentânea que vem e passar rápido, ja amor é aquele sentimento que durar meses, anos, e ate mesmo quando você se convenceu de que não sente mais nada pela pessoa não pode ver uma foto, ouvir um comentário e se encontrar a pessoa ai mesmo que fodeu geral, parece que seu coração trava, começa a suar frio, vem aquele momento de insegurança sem saber o que falar ou fazer, isso é amor. Finalmente pra encerar eu não sei Absolutamente nada sobre o amor. Acho que o motivo é que tive meu primeiro amor meio tarde sei lá, eu tinha 18 anos só e agora tenho 19 deve ser isso talvez, experiencia nenhuma coitado de mim. hahaha

Agora me contem a historia do PRIMEIRO AMOR  de vocês.


1 2 3 4 5 »